Publicom: Mídia, feminicídio e fakenews devem movimentar debate de comunicação em Altamira

Text_2

Cerca de 200 estudantes e profissionais de comunicação e de áreas afins são esperados para mais uma edição do Encontro de Comunicação do Pará – Publicom, nos dias 12 e 13 de abril, no auditório da sede da Associação Comercial, Industrial e Agro Pastoril de Altamira (Aciapa), em Altamira. Na pauta do encontro, estão debates importantes e atuais, como mídia e feminicídio e fake news.

O Publicom Altamira abre na tarde desta quinta-feira (12), das 14h às 17h, com a oficina “Design para quem não é designer”, com o publicitário Filipe Almeida. Na sequência, das 17h30 às 19h, Ítalo Torres, o social mídia da equipe de Comunicação Digital da Secretária Estado de Comunicação (Secom), fala sobre “Conteúdo digital: do planejamento ao monitoramento”.

Das 19h às 21h, o debate promete esquentar com a participação de profissionais de comunicação das emissoras locais, representantes de movimentos de mulheres, representantes de órgãos públicos, professores e estudantes de diversas áreas, no tema “Mídia X Feminicídio”, com a exibição do documentário “Quem matou Eloá?”, da roteirista, diretora, pesquisadora e comunicóloga com ênfase em Midialogia, Lívia Peres. A mediação será da jornalista Ana Negreiros, coordenadora de Comunicação da Pró-Saúde no Pará.

Na sexta-feira (13), interessados em dicas sobre “Cerimonial básico e a arte de falar em público” terão a oportunidade de participar da oficina do Reginaldo Teles, cerimonialista do Governo do Estado com mais de 20 anos de experiência, que vem dando boas contribuições aos interessados das últimas edições do Publicom. A oficina será realizada das 14h às 17h.

Das 17h às 19h, mais um tema deve envolver a participação dos profissionais de comunicação locais e movimentar o Publicom Altamira, com o debate “Jornalismo em tempos de fake News”, que terá a participação dos jornalistas Cristiane Prado (TV Liberal Altamira), Toninho Mardegan (TV Record Altamira) e Adelaide Oliveira (Cultura – Rede de Comunicação).

O secretário de Estado Comunicação, Daniel Nardin, encerra a edição do Publicom Altamira com a palestra “Além da tecnologia: conteúdo e estratégias de comunicação voltados para o desenvolvimento”, das 19h às 21h.

O Publicom é um evento da Secom voltado para qualificação e networking de profissionais e estudantes de Comunicação e áreas afins interessados em oficinas, debates e palestras sobre temáticas atuais. Até primeira edição ocorreu em 2013, em Belém. A partir de 2015, o Publicom ampliou seu raio de atuação, sendo levado aos municípios de Xinguara, Bragança, Redenção, Parauapebas, Paragominas, Santarém e o encontro em Belém, em novembro, com a participação de mais de mil credenciados. Marabá abriu a programação do Publicom 2018, que além de Altamira, será levado em maio, ao município de Breves, no Arquipélago do Marajó.

Segundo o produtor Zek Nascimento, da organização do Publicom Altamira, a ideia do encontro circular por todo o Pará é conhecer melhor a realidade e os desafios da comunicação em cada região. “Para Altamira, os temas foram pensados para agregar conhecimento coletivo e buscar soluções para a comunicação produzida aqui. Além de aproximar ainda mais os profissionais da região”, explicou.

Serviço:

O Publicom Altamira ocorre nos dias 12 e 13 de abril, das 14h às 21h, na sede da Associação Comercial, Industrial e Agro Pastoril de Altamira (Aciapa), localizada na rua coronel José Porfírio, 2800, bairro Esplanada do Xingu, Altamira.  As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.publicom.pa.gov.br. A presença nas oficinas garante emissão de certificado com carga horária de 20 horas/aula.

Por Julie Rocha