Áreas de atuação

Text_2

Áreas de atuação_Descrição

A Secom, por meio da Diretoria de Comunicação Popular e Comunitária, atua em diversas áreas da Comunicação.

 

  1. Produção Audiovisual (Cinema e Vídeo / Filmmaker): atuação nos mais diversos meios de comunicação audiovisual, como TV, cinema e internet. Desenvolver conteúdo relacionado à produção audiovisual em seus mais variados formatos e etapas de produção. Desenvolvimento de roteiro, iluminação, fotografia, edição de vídeo e áudio, desenho de som e som direto, incluindo ainda direção; assim como a formação cineclubista. Exemplo: filmes e vídeos de curta ou longa-metragem, sejam esses autorais, publicitários, institucionais, documentários, videoaula ou de treinamento.
  2. Educomunicação: utilização dos meios de comunicação para a educação dentro e fora de sala de aula. Desenvolvimento de projetos utilizando as diversas mídias, como TV, internet, redes sociais, jornal, rádio, fanzine e fotografia, partindo do protagonismo da comunidade. Realização de pesquisas e compartilhamento de conteúdos voltados à educação em chats online, videoconferência, blogs, entre outros, direcionando seu conteúdo para a área da Educomunicação, colocando estas ferramentas para ser utilizadas na educação e formação de cidadãos.
  3. Comunicação Comunitária: produção de informação a partir da comunidade, com conteúdos pensados e produzidos por ela e para ela, de forma colaborativa e integrada.
  4. Produção de Texto: produção de textos em vários níveis e para diversas finalidades, focando em textos não-ficcionais, jornalísticos, porém, incluindo a produção de fanzines, livros de bolso, livros artesanais e demais formatos correlatos.
  5. Jornalismo: investigação e divulgação de fatos e informações de interesse público, que transmita conhecimento sobre apuração, redação e edição de conteúdo para reportagens e entrevistas, em diversas plataformas de comunicação. Que repasse noções de tamanho, abordagem e a linguagem de textos ao perfil do veículo, da plataforma e do público a que se destinam. Que possibilite aos participantes noções de assessoria de comunicação e imprensa, explicando os processos de produção de notícias e atendimento a veículos de comunicação. 
  6. Produção Cultural: organização de projetos sociais e culturais em vários níveis, como em produções televisivas, festivais, mostras e eventos. Que repasse noções das atribuições de um produtor executivo e das atividades pertinentes à função;
  7. Produção Editorial: coordenação das etapas de edição, editoração e publicação de livros, revistas, catálogos, folhetos, websites e demais produtos interativos;
  8. Publicidade e Propaganda: atua sobre elaboração de estratégias e inovações na área de comunicação, visando obter melhoramentos na relação entre instituições de diversos níveis e a sociedade;
  9. Rádio e TV: elaboração e veiculação de programas jornalísticos, esportivos ou de variedades, exceto nas atividades reservadas a jornalistas e atores, como reportagem e dublagem. Montagem de programação, redação de roteiros, produção e edição de programas, incluindo radioweb e rádio comunitária;
  10. Estudos de Mídias: área que atua no conhecimento sobre diferentes meios de comunicação e a influência destes meios sobre a sociedade dentro dos campos de atuação das mídias tradicionais e contemporâneas, como rádio, TV, imprensa escrita, sites, redes sociais, além da orientação para a produção de conteúdos para mídias móveis e para os mais diversos canais de comunicação popular;
  11. Multimídia: comunicação em meios digitais, planejamento, criação e execução de projetos para a Internet, como sites, redes sociais, blogs e aplicativos. Domínio de todos os elementos envolvidos no processo de comunicação, como texto, imagem e som, assim como a interatividade e a convergência de mídias. Que repasse conhecimentos sobre softwares, linguagens e ferramentas de navegação;
  12. Arte Digital: manifestações artísticas executadas por meio eletrônicos, expostas tanto em meios virtuais quanto em suportes tradicionais. Podendo ser: web art, as ilustrações digitais, as técnicas de videomapping e intervenções em quaisquer suportes.
  13. Design: idealização, criação, desenvolvimento, configuração, concepção, elaboração e especificação de produtos nas demais interfaces, como designer gráfico, de produtos, cenários, luz, som, figurino, etc. exposição, apresentação e utilização de produtos de design e artesanato. 
  14. Grafite e Arte Urbana: teoria e prática de artes visuais e a cultura urbana do grafite como forma de manifestação artística em espaços públicos;
  15. Desenho: desenho à mão livre, traços, sombras e profundidade, sempre visando ao estímulo da criatividade e ao talento dos participantes e, dependendo do objetivo da ação, utilizar situações reais para a construção de material específico;
  16. Fotografia: processos de captação, armazenamento, impressão, edição e reprodução de imagens, focando o trabalho na democratização do uso da fotografia;
  17. Linguagem Teatral: atuação nas linguagens teatrais tais como contação de histórias, exercícios básicos de teatro, dentre outros; noções desta linguagem, ampliando o conhecimento dos participantes em relação às interações e aprofundamento prático das ciências humanas e da comunicação.